0
  
     

Novas vias – Bloco do Toninho – Floresta da Tijuca

Salve Galera…..

“Futucando” a Floresta da Tijuca com meu camarada Claudio França tropeçamos em um bloco que nos chamou a atenção…. Na verdade estávamos procurando a melhor maneira de chegar à base de um projeto no João Antonio e tivemos uma agradável surpresa. Um bloco que apelidamos de Bloco do Toninho, em referência a montanha João Antonio. É um bloco de no máximo uns 20 metros, mas que nos rendeu quatro vias e uma extensão de via que fica como projeto para os mutantes conquistar :).

A primeira vez que vimos o bloco não estávamos com material de conquista, então tivemos que voltar outro dia.

No dia em que voltamos no bloco, estávamos acompanhados de Michelle Bouhid, Sergio Ricardo e Ester Capella. Nessa investida tínhamos a intenção de bater umas proteções no bloco e chegar à base de um projeto no João Antonio e que pra isso teríamos que bater alguns metros de facão que nos tomou algumas horas. Portanto não rendemos muito no bloco e batemos apenas quatro proteções na via que batizamos de Saudosa Maloca.

Sergio na Saudosa

Sergio na Saudosa

Voltei com o Claudio em uma segunda investida, tão improdutiva quanto a primeira devido à chuva, batemos apenas duas chapas em outro projeto que batizamos de Tunim. A pedra estava muito molhada pra fazer mais que isso.

Voltei com o Sergio e terminamos a via do Tunim. Tínhamos a intenção de terminar a Saudosa, mas o final da via ainda estava muito molhado. Voltando pela terceira vez, batalhamos em estender a Tunim, mas percebemos que isso seria pra algum mutante que mande 9º e focamos nossos esforços em acabar a Saudosa.

saudosa maloca escalada

Costurando segunda chapa da Saudosa

Dessa vez ela estava seca, porem o final estava muito sujo, fizemos uma limpeza e batemos a ultima chapeleta da via. Confesso que ficou distante. Mas fazer o que? Não tem como parar antes… 😀
Nesse dia tínhamos duas vias prontas e um projeto de extensão. A Saudosa Maloca, um 7b/c e a Tunim um 8a/b que se ganhar mais alguns movimentos vira a Tonhão e vai pra casa do nono grau.
No dia seguinte voltei no bloco com a Michelle e abrimos mais duas linhas, a Toco Cru, que deve ser um 7a e a Pegando Fogo um possível 7b.

Crux da Tunin

Crux da Tunin

Todas as vias no bloco foram conquistadas, ou seja, foram abertas de baixo para cima e livrando os movimentos antes de bater as proteções. Decidimos não equipar a Tonhão pra deixar a oportunidade de alguém capaz conquistar o lance de maneira digna e manter o estilo do lugar.

Batendo primeira chapa da Toco Cru

Batendo primeira chapa da Toco Cru

Como Chegar: A partir do Bom Retiro, pegar a trilha que vai para o Bico do Papagaio, após alguns poucos minutos (no máximo 10) você irá encontrar uma placa que aponta a Saída,o Bico do Papagaie, Cocacna e Pedra do Archer.

Nessa placa você deve pegar uma trilha que segue para a direita, você vai caminhar na Trilha da Serrilha, porem quando chegar a uma arvore caída deve seguir reto e não pegar a esquerda. Nesse ponto a trilha fica um pouco mais fechada, mas segue evidente.

Vai iniciar uma descida e em certo ponto a trilha bifurca, uma segue descendo (Trilha para a Represa dos Escravos) e outra segue para a esquerda, você deve seguir a trilha que vai para esquerda.
Logo ira encontrar umas fitas amarela e preta, nesse ponto a trilha esta bem marcada com essas fitas de isolamento. Se estiver seguindo uns pedaços de sacola plástica e a mata estiver muito fechada é porque você esta errado.

A trilha até chegar ao bloco não deve demorar mais que 20 minutos. Demoramos 12 minutos quando contamos o tempo.

A primeira via que encontramos quando chegamos no Bloco é a Saudosa Maloca e a segunda é a Tunim, virando o Bloco estão as Toco Cru e a Pegando Fogo.

Espero que vocês curtam mais essa opção de escalada esportiva no Rio.

Arquivado em: Escalada Tags: Escalada, floresta da tijuca

Deixe o seu comentário!

Comentar!

© 2019 Adventure Zone. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Válidos.
Design: Equipe Adventure Zone.