1
  
     

No topo da Colina – Explorando a Irlanda

Olá a todos!

Muito prazer, para aqueles que ainda não me conhecem eu sou a Jus Prado, professora de yoga, montanhista, sonhadora e também exploradora deste mundão!

Este é o meu primeiro relato para o Adventure Zone e é com muita satisfação que eu gostaria de apresentar um lugar muito especial – a Irlanda.

A Irlanda, ou Eire, como é chamada em sua língua tradicional – o gaélico – é caracterizado por ter um litoral acidentado com outras ilhas menores e uma planície central limitada por montanhas mais baixas e com lagos.

Pela crista

O clima é também algo ímpar nesta ilha dos Leprechauns e com certeza um assunto que rende “pano pra manga”. Num mesmo instante você pode ver as quatro estações do ano dançando em frente aos seus olhos mostrando a forte presença da natureza e suas inconstâncias assim como o humor e os pensamentos do ser humano que está sempre mudando.

Pois bem, escolhi a Irlanda como parte de um caminho o qual a trilha eu estou descobrindo e aprendendo a trilhar, a cada dia algo novo, diferente, incomum ao que eu sempre estive habituada a ver, a comer, a sentir e a desfrutar. Se estiver confuso de entender não se preocupe vamos juntos conhecendo um pouquinho do que esta ilha verde-esmeralda tem para oferecer!

Presente do universo

Em cinco meses que estou aqui pude conhecer diferentes colinas em diferentes regiões com o pessoal nativo do clube de escalada de Limerick (http://www.limerickclimbingclub.ie/), a cidade em que estou morando, e como preparação para o meu próximo objetivo aqui na Europa: o Mont Blanc, França, escolhi caminhar até o pico mais alto da República da Irlanda: Carrauntoohil , 1038m.

Sincronizei com os meus amigos do clube de escalada e partimos para o nosso objetivo num domingo bem descontraído, escolhemos uma rota mais fácil para poder desfrutar da paisagem. Como por aqui é tudo bem, digamos molhado, o terreno nas montanhas também não é diferente e é bem úmido, resultando em algumas passagens bem macias afundando literalmente os pés na lama, cansando as perninhas! rs.

Quase no topo

O caminho é lindo e também bem íngreme até atingir a crista e então caminhar num sobe e desce até o topo do Carrauntoohil. Além do nosso grupo de quatro pessoas havia mais de 30 pessoas visitando a colina neste dia, gente vindo de todas as regiões da Irlanda e também da Inglaterra.

Vista 360 do cume

Levamos mais ou menos umas 5 horas para subir com várias pausas para fotos, fôlego e piadas vindas do bom humor irlandês. Em troca fomos presenteados pelo universo com um dia perfeito! Temperatura agradável, sem vento e sem chuva!!! Só quem vive por aqui sabe como foi raro este dia. Raríssimo! Pudemos ver tudo ao redor, os lagos, as outras montanhas, as cidades… Fantástico!

No topo do Carrauntoohil

Contemplamos o cume agradecendo pela oportunidade do momento, aproveitar o momento presente sempre, aprendendo com a natureza já que na volta, conosco, vieram também muitas nuvens fechando a paisagem e deixando tudo branco. Foram em média 2 horas para descer com muito cuidado em uma parte que haviam pedras soltas. Mas o melhor de tudo foi com certeza não pegar um pingo de chuva!

Conor, Frank, Larissa e eu no cume!

Em suma este é um país de muitas riquezas, cada destino, seja de aventura ou não, tem a sua particularidade e se você ainda não pensou em conhecer a Irlanda fica aqui uma breve apresentação da natureza deste lugar!

Um grande abraço.

Namastê.

Jus Prado

Mais informações: http://jusprado.wordpress.com/

 

 

Arquivado em: Lorpen, Montanhismo, Trekking, Viagem Tags: Irlanda, Jus Prado, Pico Carrauntoohil

1 Comentário em "No topo da Colina – Explorando a Irlanda"

  1. Bruno Marcondes disse:

    Lugar incrível !!!
    Mais um belo relato em Jus..

    Saudades..
    Tudo de bom!

    kisses

Deixe o seu comentário!

Comentar!

© 2019 Adventure Zone. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Válidos.
Design: Equipe Adventure Zone.