1
  
     

Base e Climb 2009

BASE & CLIMB EUA 2009 foi uma viagem de 1 mês aos Estados Unidos visitando alguns dos melhores lugares para prática da escalada e do BASE jump do país. Neste projeto passei pelo parque nacional de Yosemite (CA), Deserto de Moab (UT) e pelo berço mundial do Base jump, Twin Falls (ID). Percorrendo aproximadamente 2056 milhas de carro pelas estradas da costa oeste, pude ver de perto o que há de mais interessante nestes picos. Esse é um breve relato das experiências vividas por mim, Gustavo “Sistemoto” Britto, ao longo desses 30 dias.


Yosemite Valley – Foto Flávia dos Anjos


Esse, como todo grande projeto foi cheio de “percalços” e mudanças de última hora. Mesmo planejando com antecedência, muitas coisas saem do esperado. Mas isso é o que há de mais legal em viajar! Antes deste projeto já havia visto muitas imagens, lido muitos blogs e livros sobre os lugares que visitei, mas nada podia ter me preparado para estar lá!

A viagem teve início no dia 21 de agosto de 2009 no Rio de Janeiro. Após um pequeno pit-stop em Los Angeles para buscar os equipamentos que eu já havia comprado, continuei voando para São Francisco, onde essa história começa. Ao chegar no aeroporto a primeira tarefa era alugar um carro que seria, juntamente com a minha barraca, minha casa pelos próximos 30 dias. Com o apoio do GPS (batizado de Frida) e após 3 horas e meia de estrada, cheguei na primeira parada,Yosemite National Park.

Yosemite Valley – Foto Flávia dos Anjos

Escalar em Yosemite foi uma experiência inacreditável! Treinei bastante antes de ir, mas as técnicas de escaladas usadas naquelas paredes são tão diferentes do que eu havia escalado antes, que tive que criar um novo repertório de movimentos. Lance a lance aprendendo e me virando! O vale é um lugar que afeta em todos os seus sentidos. Tudo é diferente, a orientação, a textura da rocha, o estilo das vias, a qualidade das proteções e além disso, tudo é enorme e muito variado. Estar rodeado por essas montanhas é uma experiência que muda um escalador, sendo inevitável cultivar um sentimento de humildade diante de paredes tão imponentes.

Para sair do Vale e ir para o meu próximo destino, tive que fazer um dos mais belos desvios de toda a viagem. Pois ao longo do tempo que fiquei em Yosemite, ocorreram alguns deslizamentos de rocha, que acabaram fechando algumas das estradas do parque! Sendo assim o meu percurso de 10hs para Twin Falls passou para 15hs. No entanto, tive a oportunidade de curtir mais 5 horas na incrível Sierra Nevada e vê-la desembocar no visual desértico do estado de Nevada!

Mapa da Viagem – Fonte Google Maps

Twin Falls é uma pacata cidade do estado de Idaho, que acolheu desde o início o BASE jump, como nenhum outro lugar. Por ter uma ponte onde a prática do esporte é legalizada e oferecer condições naturais muito propícias a um BASE jumper iniciante (160 metros e um ótimo pouso), Twin Falls é lar dos 3 maiores cursos de BASE jump do mundo. Sendo assim a Perrine Bridge é o primeiro objeto de muitos BASE jumpers no mundo inteiro. No verão a cidade ferve com gente do mundo inteiro, aprendendo, aprimorando ou apenas curtindo o esporte, deixando o Canyon do Snake River mais colorido com os velames de todos os tipos.

Perrine Bridge -Twin Falls – Foto: Gustavo Britto

Depois de aprender alguns truques novos, era a hora de cair na estrada novamente e partir para saltos e escaladas mais “complicados”. A cidade de Moab fica literalmente no meio do deserto, próxima de 3 grandes parques nacionais americanos, sendo o principal deles o Arches National Park. Essa característica desértica da região influencia diretamente os saltos e principalmente as escaladas locais. Sendo necessário ficar muito mais atento aos detalhes de logística envolvidos, como: caminhada de aproximação; água; localização das bases das vias; sol e calor. Em Moab também predominam as vias no estilo tradicional, com proteção em peças móveis, só que muito mais curtas quando comparadas com as vias de Yosemite.

ThombStone – Moab Desert – UT – Foto: Flávia dos Anjos

Bom, esta é apenas a apresentação do que está por vir, mas claro que não poderia faltar no meu post um vídeo, este que preparei mostra imagens de cada trecho da viagem. Mas como eu disse, este é só um “teaser”, nas próximas semanas farei mais 3 posts aqui no Adventure Zone com muito mais detalhes (vídeos, fotos, links) sobre cada etapa da viagem, fiquem ligados!!!
Arquivado em: BaseJump e Wingsuit, Deuter, Escalada, Viagem Tags: base jump, Escalada, gustavo britto, Viagem

1 Comentário em "Base e Climb 2009"

Deixe o seu comentário!

Comentar!

© 2019 Adventure Zone. Todos os direitos reservados. XHTML / CSS Válidos.
Design: Equipe Adventure Zone.